segunda-feira, setembro 18, 2006



"(...) Natália Correia diz poesia como quem brinca, como quem ama, como quem escuta e como quem ecoa. (...) Declamar poesia é para muitos. Dizer poesia é para os poucos que nos fazem felizes: aquelas e aqueles em quem as deusas puseram, in illo tempore as suas complacências"


Palavras de Maria Lúcia Lepecki.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial